Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://dspace.agencia.gov.br:8080/conhecerhana/1982
Registro completo de metadados
Campo DCValorIdioma
dc.contributor.authorLopes, Camila de Mesquita-
dc.date.accessioned2020-04-05T20:51:16Z-
dc.date.available2020-04-05T20:51:16Z-
dc.date.created2018-
dc.date.issued2018-
dc.identifier.urihttp://dspace.agencia.gov.br:8080/conhecerhana/1982-
dc.description.abstractO presente trabalho teve como objetivo restaurar ecologicamente a lagoa da Itaoca, a qual possui 9.827,13 m², e seu sangradouro, com aproximadamente 1 km de extensão. Localizada na área patrimonial do Aeroporto Internacional Pinto Martins, a lagoa da Itaoca recebe efluentes lançados irregularmente na malha pluvial do bairro de mesmo nome, o qual não possui sistema de esgotamento sanitário, além de muito lixo. Todo esse cenário ocasiona sazonalmente infestação de mosquitos do gênero Culex, que incomoda tanto a população que passa pelo aeroporto, quanto os moradores dos bairros no entorno. Adicionalmente, seu sangradouro foi canalizado e a mata ciliar removida há alguns anos, o que intensificou a infestação dos mosquitos e agravou a poluição desse corpo d’água. Assim, este trabalho propõe: 1) a realização de saneamento básico no bairro Itaoca; 2) a limpeza da lagoa da Itaoca; 3) a remoção das casas das margens do canal da Itaoca; 4) a construção de um conjunto habitacional em área próxima ao local para alocar a população removida; 5) a restauração do riacho Itaoca, com a renaturalização do rio e a recuperação de sua vegetação ciliar; e 6) a implantação de um parque ecológico em terreno adjacente ao córrego, com infraestrutura de lazer para a população. O total estimado para a realização do projeto foi de R$ 32.675.176,33. Espera-se que, com essas intervenções, as águas da lagoa tornem-se límpidas novamente, a população possa desfrutar do recurso hídrico para outras finalidades que não o lançamento de esgotos e os mosquitos do aeroporto e entorno cessem, trazendo paz e conforto para a população.pt_BR
dc.formatpdfpt_BR
dc.format.extent72 páginaspt_BR
dc.languageporpt_BR
dc.rightsAttribution-NonCommercial-NoDerivs 3.0 Brazil*
dc.rights.urihttp://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/3.0/br/*
dc.subjectParque linearpt_BR
dc.subjectRestauração ecológicapt_BR
dc.subjectRios urbanospt_BR
dc.subjectLagoas urbanaspt_BR
dc.titleRestauração Ecológica da Lagoa da Itaoca e Sangradouro no Município de Fortaleza - CEpt_BR
dc.typeTese, Dissertação ou TCCpt_BR
dc.audience.educationlevelEnsino profissionalpt_BR
dc.contributor.institutionANApt_BR
dc.contributor.institutionIFCEpt_BR
dc.subject.categoryConservação, Uso Racional e Sustentável da Água; Gestão da água em ambientes urbanospt_BR
dc.description.goalO objetivo principal deste trabalho é propor a recuperação da Lagoa da Itaoca e Riacho da Rosinha, proporcionando qualidade ambiental à região.pt_BR
dc.type.copyrightPersonalizadopt_BR
Aparece nas coleções:Produção científica

Arquivos associados a este item

Arquivo Descrição TamanhoFormato 
CAMILA DE MESQUITA LOPES.pdfTCC do curso EAD ofertado pela IFCE2,07 MBAdobe PDFBaixar


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons